Jimenez: “É preciso correr riscos, e deu certo!”

O que disseram os pilotos após a emocionante prova dos 300km de Goiânia da Porsche Império Endurance Series.

“Estávamos com uma estratégia diferente de calibragem, atacando no começo e tentando manter no fim. Foi um risco, mas em corrida é preciso correr riscos, e deu certo”
Sérgio Jimenez

“Foi emocionante demais, a gente achou que tinha um furo no pneu, e o Sérgio acabou administrando. Eles vinham tirando quase um segundo no final, que bom que não tinha nenhum problema no nosso carro. Foi muito bom, esse campeonato é nosso!”
Werner Neugebauer

“O tempo todo treinamos o pit. A gente tinha feito 0,005, mas eu disse para eles que não precisava ser tão justo assim. No final acabamos arriscando e foi muito no limite. Mas garças a Deus e aos treinos deu tudo certo, tirando o susto no final foi uma corrida tranquila. O Werner fez uma primeira metade sensacional. E o Jimenez fez tudo que esperamos dele, foi muito bom”
Guilherme Ferro, estrategista da equipe RCHLO

“Fomos conservadores, não levamos o carro ao desgaste máximo. Além disso, fomos muito constantes, e a diferença entre ele (Maurizio) e eu não era muito grande em termos de velocidade, ao contrário de outros carros, que tinham um gap muito maior. Isso foi fundamental para conquistarmos a vitória”
Marco Billi

“É uma corrida de resistência, não éramos a dupla mais rápida mas não cometemos nenhum erro e conseguimos trazer o carro até o final, sem nenhum grande problema. E corrida de resistência é isso”
Maurizio Billi

“Foi difícil. No último stint. O Jimenez conseguiu abrir nas primeiras voltas. No finalzinho ele ficou sem pneu e conseguimos encostar, se tivesse mais algumas voltas conseguiríamos passar”
Ricardo Zonta

“Foi bom, desde o começo estávamos competitivos. Eu e o Ricardo temos um ótimo entrosamento, é isso aí. A próxima é vitória, estamos quase!”
Lico Kaesemodel

“Foi uma ótima prova, consegui largar bem e ir para segundo. O calor atrapalhou um pouco, pois estava muito perto do Werner, mas depois imprimi um bom ritmo, fui bem rápido no meu segundo stint. O Luca fez um grande trabalho, mostrou um ritmo muito forte. Foi bem bacana, ele está de parabéns, estou bem feliz com o pódio.”
Dennis Dirani

“Não tem coisa mais do que especial do que ganhar e homenagear alguém que é muito especial para mim e para todos, que é o Alan. Essa etapa, a próxima e o campeonato eu vou ganhar por ele. Você, Alan, vai ver depois como prometi fui o p3 no geral e venci na Sport”
Luca Seripieri

“Considerei a corrida positivo, fizemos um trabalho impecável. Largamos em décimo e conseguimos a quinta colocação. Vamos trabalhar um pouco melhor na classificação pra largar mais à frente, pois nosso ritmo de corrida é bom”
Vitor Baptista

“Muito bom estar no pódio. Acho que poderíamos ser quarto, tivemos uma parada não tão boa. Mas foi tudo bem, o carro estava bom e é como o Vitor falou, temos que tentar largar mais à frente pra não perder tanto tempo na corrida.”
Pedro Queirolo

“Nossa estratégia foi fazer os stints mais longos, fizemos 22 voltas no primeiro stint e 27 no segundo. O carro desde o começo estava com defeito, ele vinha “sambando” na reta, tinha que lutar contra isso. Mas conseguimos levar e foi muito boa a corrida”
Pedro Aguiar

“Foi uma experiência muito boa, a dupla foi rápida. Foi uma pena a roda ter caído quando a gente liderava, tínhamos uma grande chance de ganhar. Estou muito feliz com a parceria com o Carlos. Acho que é muito promissora, vamos ver nas próximas corridas o que acontece”
Matheus Iorio

“Vamos ver se o Matheus vem pra Interlagos pra gente agarrar esse primeiro lugar. Infelizmente não conseguimos o primeiro lugar por um problema no carro. Estávamos com mais de 10 segundos de vantagem. Mas corrida longa é assim, pegamos o carro reserva e conseguimos terminar em quarto”
Carlos Renaux

PARCEIROS